Aprenda 4 Movimentos Essenciais de Autodefesa

Aprenda 4 Movimentos Essenciais de Defesa Pessoal
www.pixabay.com

Neste conteúdo a intenção é que você aprenda os 4 Movimentos Essenciais de Autodefesa.

Aprender a se defender é muito importante nos dias atuais, já que a violência e os assaltos só aumentam.

Pessoas de várias idades estão aderindo a técnica de Defesa Pessoal para ter mais segurança com a autodefesa.

 

Essa técnica conhecida como Krav Maga foi criada pelas Forças Especiais de Defesa de Israel.

Lembrando que isso independe de força, depende mais da técnica correta.

Além disso, o ideal é que você frequente as aulas e aprenda com um professor devidamente qualificado para que tenha mais êxito na precisão dos movimentos.

Contudo, procure treinar e aprender os movimentos de autodefesa em um espaço amplo e aberto.

Treine com outra pessoa de forma mais leve e moderada ou em um saco de areia, daqueles que tem em academia.

Como fechar o punho

  • Dobre os dedos na altura da segunda articulação (onde a falange proximal encontra a falange média);
  • Dobre mais uma vez os dedos, de maneira que cada um fique protegido no meio da palma da mão
  • Posicione e mantenha os polegares sobre os dedos indicador e médio de cada lado (não deixe o polegar esticado para fora ou coberto pelos outros dedos);
  • Mantenha os pulsos totalmente retos.

Por exemplo, caso precise dar um soco no agressor use os “nós” dos dedos indicador e médio, pois estes são mais fortes e maiores do que os outros, e causam um dano maior.

Utilize o peso do corpo todo quando for atingir o agressor com o soco girando a cintura na mesma direção do golpe, isso ajuda a aumentar a força.

Abaixo aprenda os 4 Movimentos Essenciais de Autodefesa:

1. Chute na virilha

No momento em que estiver de frente para o seu agressor não hesite em chutar a virilha dele, com toda a força que puder e o mais rápido possível.

Tente levantar suas mãos para proteger seu rosto, coloque sua perna dominante para trás flexionando o joelho da frente e em um movimento rápido levante a perna que estava atrás, chutando alto para cima e com força .

Procure inclinar um pouco o seu corpo para trás isso vai ajudar no seu equilíbrio para que não caia ou se machuque. Tente calcular a distância certa para acertar as genitais do agressor.

Neste momento o agressor poderá ficar sem ação com o impacto do golpe.

Caso contrário, após esse golpe também pode atingi-lo com socos nas áreas sensíveis como: nariz, queixo, olhos, orelhas e garganta para que ele não tente agredir novamente.

2. Como interromper um ataque lateral

Para se defender de um ataque lateral ou quando o agressor também estiver vindo atacar pela frente , levante o braço do mesmo lado em que está para acontecer o ataque.

Ao levantar o braço, com os dedos das mãos abertos , flexione o cotovelo, defendendo o golpe lateral com este braço.

Ao mesmo tempo você fechará o punho da sua outra mão , da forma correta, como ensinado acima, e atingirá o agressor com um soco em alguma área sensível da cabeça dele, como o queixo, nariz ou garganta.

Se com esse golpe o agressor se inclinar para trás você também tem a possibilidade de dar um chute na virilha dele neste momento.

3. Agarrão por trás

Caso o indivíduo tente te agarrar por trás no mesmo momento agache rapidamente, isso torna mais difícil que o agressor te derrube.

Usando os pés numa largura maior que a sua cintura, gire seu quadril para o lado, isso vai deixar mais fácil um caminho para as genitais do agressor.

Use as mãos, com a palma da mão aberta atinja essa região com toda a força que puder e de forma rápida  e precisa.

Nesse mesmo instante procure jogar o peso do seu corpo para frente enquanto o golpeia com o cotovelo para trás, isso provavelmente atingirá a barriga ou costelas dele.

 Isso fará com que o indivíduo afrouxe o agarrão e te dará a chance de escapar e buscar ajuda.

4. Como se defender de um estrangulamento por trás

Caso alguém agarre seu pescoço por trás deverá agir rapidamente pois isso é extremamente perigoso, com esse ataque você pode perder o ar e perder os sentidos.

O que fazer nesse caso?, a primeira coisa que deve fazer é dar um passo a frente, ao mesmo tempo levante o seu braço do lado oposto à perna que você avançou.

Por exemplo, se você foi para frente com a perna esquerda, erga o braço direito, até que o bíceps esteja na altura da orelha.

Do mesmo modo, lembre-se sempre de usar o peso do corpo isso força mais os golpes e ajuda muito, passe a perna que ficou atrás por trás da outra, como se fosse girar de encontro frontal com o agressor .

Faça isso agressivamente , utilize o peso do corpo, isso força o pulso do agressor, que abrirá, ele soltará seu pescoço ou afrouxará.

Neste momento aproveite e  com o cotovelo tente atingir a cabeça do agressor, e em seguida fugir do mesmo.

Em conclusão, sempre é importante lembrar que não é necessário ter força física para praticar Defesa Pessoal e sim aprender nas aulas as técnicas corretas para uma maior segurança.

Pois desta forma seus movimentos serão mais precisos tendo mais eficácia contra qualquer ataque que possa sofrer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *